Cinema para todos no Museu da Farmácia

O dia 14 de Julho, no Museu da Farmácia do Porto, vai ser um dia em grande para ver filmes da edição do IndieJúnior. De manhã à tarde ninguém vai querer perder as seguintes sessões: https://www.facebook.com/events/195778814597423/

Programa +3 anos (11h00): 40 minutos
Programa +6 anos (15h00): 49 minutos
Programa famílias (todas as idades) (17h00): 39 minutos

Entrada livre com pré-inscrição necessária através do email museudafarmacia@anf.pt
(sujeita ao número de lugares disponíveis na sala)

Programa +3 anos (11h00) 40 minutos
A abrir a sessão, descobrimos que é muito difícil tentar estender umas Meias Dançantes. De seguida, um filme português, Flor de Papel. Um passarinho de papel acolhe um desenho de uma flor no seu ninho. A grande estrela dos palcos é o Pavão, todos elogiam as suas penas, e elas querem (e merecem) um agradecimento. Em O Senhor Noite Tira o Dia de Folga, imagem real e animação juntam-se para contar a história de um monstro com um toque, não de Midas, mas igualmente mágico e, neste caso, cómico. Adaptação de um livro de muito sucesso, A Corujinha Perdida não encontra a sua mamã, mas o amigo esquilo vai ajudá-la. O Cão Salsicha está sempre aflitinho para fazer chichi. Flo tem de aprender a partilhar o almoço. Depois, dois filmes e dois obstáculos. O Peixe Pescador quer deitar-se mas não sabe como. O Caminho de um Peixe para Chegar à Água leva-nos à odisseia de Óscar, que terá de ultrapassar muitos desafios para salvar um peixe vermelho. Os Bichos de Madeira são criaturas engraçadas que se passeiam à noite pelo quarto.É de ficar maluco. O Piratinha rema no seu barco e nada o fará parar. 

Programa +6 anos (15h00) 49 minutos
Na História de Inverno nem as malhas quentes aquecem os animais na floresta, mas o Príncipe Ki-Ki-Do arranja sempre forma de resolver os problemas. O Cozinheiro tem uma luta hilariante contra o seu crepe. Quem ganhará? O Nariz de Gelo apresenta-nos Moço, que tem o nariz sempre cheio de ranhocas porque vive num sítio bem gelado. As Ilhas Gémeas, o primeiro filme da sessão, são governadas por dois reis que seguem o culto da simetria. Quando ela falta, a aventura começa. A Caça mistura, entre outros, um coelho, um cão e um caçador míope e inofensivo. N’O Apartamento de Sábado cinco familiares mal aguentam os barulhos que vêm dos outros andares. A Ilha é habitada por um monte de criaturas exóticas que andam sempre aos encontrões. E o Corvo Branco é gozado, no filme que fecha a sessão, pelo seu bando, composto por corvos negros. Mas como sempre nas histórias mais bonitas será ele a encontrar a solução para a poluição que os afecta a todos.

Programa famílias para todas as idades (17h00) 39 minutos
A primeira curta da sessão rasgará muitos sorrisos, com um urso comilão a cair na Tentação de roubar uma cesta de piquenique dos escuteiros. Depois de tanta aventura, um mergulho em águas calmas, em Ondulação, com uma piscina aquecida numa fria tarde de inverno. Os animais da floresta do Príncipe Ki-Ki-Do descobrem diferentes funcionalidades para uma garrafa, em O Vidro Mágico. Outras questões terá uma intrépida Ovelha. A partir do momento em que desrespeita as recomendações do rebanho, viverá muitas aventuras. A agitação é de pouca dura. Em Os Viajantes, um tigre tenta escapar de um caçador e acaba numa estação espacial. A seguir, somos puxados por uma encantadora rede de ligações humanas em Laços, no qual mãe e filha estão unidas por um fio, que se alonga e encolhe à medida que ambas crescem, se afastam e reaproximam. Depois, um mordomo Pinguim quer que a festa que está a preparar corra às mil maravilhas. Mas quanto se tem de lidar com gelo e outros “obstáculos” todo o cuidado é pouco e…muito divertido!