Júris e Prémios

Na segunda edição do festival há três júris: um composto por profissionais da área que atribui dois prémios: Grande Prémio Longa Metragem (1.250€) e Grande Prémio Curta Metragem (750€); um júri composto por jovens estudantes de três escolas do Porto, que irá atribuir o Prémio Escolas para Melhor Filme (500€) e um júri composto por todos os espectadores, que atribui o Prémio do Público DoctorGummy para Melhor Filme (no valor de 500€).

 

Júri Oficial da Competição Internacional

Joana Estrela

Ilustradora

Ilustradora nascida em Penafiel, em 1990. Estudou Design de Comunicação na Faculdade de Belas Artes do Porto (2012). Passou por Budapeste e Vilnius, e voltou ao Porto, onde trabalha em ilustração e banda desenhada.
Em 2014, a Plana publicou o seu primeiro livro, Propaganda. Em 2016, o Planeta Tangerina publica Mana, a obra vencedora do I Prémio Internacional de Serpa para Álbum Ilustrado.

 

Manuela Lima

Programadora

Membro da Comissão Organizadora do CINANIMA – Festival Internacional de Cinema de Animação, entre 1988 a 2004, foi também responsável pelo Gabinete de Imprensa, Relações Públicas e Publicações do CINANIMA  – Festival Internacional de Cinema de Animação, no mesmo período. Manuela Lima foi uma das representantes deste evento em Certames Internacionais.

Organizou, coordenou e programou o Programa de Cinema de Animação GUIMANIMA, para a Capital Europeia da Cultura – Guimarães e, em 2014, foi a responsável, coordenadora e programadora do Guimanima – programa de Cinema de Animação ( Sessões de cinema Português, Workshop, Debate) no Brasil, no Festival Cineport.

Tem programado várias sessões de curtas de animação e trabalha como Relações Públicas na Associação Cultural Vimaranense Olho de Vidro.

 

Paulo D’Alva

Realizador

Paulo d’Alva nasceu em 9 de Fevereiro de 1980.

É licenciado em artes plásticas pela ESAP – Escola Superior Artística do Porto, e tem o Mestrado em ensino das artes visuais pela Universidade de Aveiro.

Iniciou a sua carreira no cinema de animação em 1995, trabalhando  como animador e co-realizador em várias curtas metragens, destacando-se a série Alfredo. Em 1997 realiza sua primeira curta metragem, intitulada A noite cheirava mal, participando em mais de uma centena de festivais nacionais e internacionais e arrecadando um total de 11 prémios, entre eles o Grande prémio e o Primeiro prémio OURO do festival de cinema 10 International Juvenale Klagenfurt Áustria 99. Em 2013 realiza o seu segundo filme, intitulado Carrotrope, e em 2016 o filme Fim de Linha, produzido nos estúdios do Bando à Parte onde colaborou como realizador e animador em vários projectos. Neste momento encontra-se a produzir o seu novo filme Esquizoframe na sua recente produtora, a Amarela Mecânica.

 

Júri Escolas

Ana Filipa Galvão Pinho


Colégio Luso Francês

Cadilé Mendes Lopes


Colégio dos Salesianos do Porto

Inês Joana Silvestre


Colégio Júlio Dinis

Margarida Miguel Campos Maia Gaspar


Colégio Luso Francês

Tatiana de Faria e Morais


Colégio Luso Francês